RESUMO DA SESSÃO ORDINÁRIA DO DIA 02 DE SETEMBRO DE 2019

por Assessoria CMI publicado 02/09/2019 10h30, última modificação 17/09/2019 10h26

- O vereador Bernardo Santiago voltou a abordar sobre o assunto do atraso no pagamento dos transportadores escolares, que até agora não foi resolvido. Disse que conversou com a pessoa responsável pela pasta, que prometeu que daria uma solução, mas até agora nada. Ele disse que os condutores e os pais de alunos têm cobrado explicações, mas não temos uma resposta para dar aos mesmos. Bernardo disse que a Câmara precisa averiguar com mais rigor essa situação do transporte escolar do Estado e do Município, porque a população sempre acha que os vereadores não fazem nada, que são fracos. O certo é que, “caso não seja solucionado em breve, precisamos tomar uma atitude mais séria e drástica, pois passam 2 meses, até quatro meses e os condutores ficam recebendo de pouquinho”, enfatizou Bernardo.
Outra coisa, destacada pelo vereador, foi sobre a situação da Amazonas Energia, quanto a valor das contas. Segundo ele, parece que a pessoa que faz a leitura coloca o valor que ela quer, pois há contas com valores absurdos. “É preciso também tomarmos providências sobre isso”, finalizou.

- O Vereador João Bosco Rodrigues disse que é lamentável a situação que se encontra o transporte escolar em nosso município. Reiterou que o presidente da Comissão de Transporte da Câmara precisa ver isso com urgência.
Ele falou sobre a visita feita, semana passada, na SUFRAMA, quando conversou com novo superintendente, que é um velho conhecido seu e ele está esperançoso que coisas boas possam vir para Itacoatiara. Ele disse que voltou entusiasmado com o Coronel Menezes, que está com o plano de implantar um polo agropecuário na área suframada de Novo Remanso.
Ele voltou a falar do quanto seria importante a implantação também de um polo têxtil em nosso município, nos moldes daquele existente hoje em Goiânia.
Bosco adiantou que nos, dias 19 e 20 desse mês, estará na região do Rio Arari, acompanhando o representante nacional do IBAMA, para dar andamento ao manejo do jacaré.

- O vereador Dário Nunes questionou por que esses benefícios que agora estão sendo anunciados não vieram antes, mas, em seguida, ele ponderou e disse acreditar que tudo isso vai se tornar realidade e que Itacoatiara terá, em breve, um encontro com o desenvolvimento, independentemente de quem esteja à frente do Governo Municipal, sobretudo nessa vocação portuária. A Hermasa e o Grupo Simões estão aí para comprovar. “Quero ser um soldado nessa luta, para que Itacoatiara obtenha êxito nessa área suframada”, assegurou Dário.
Sobre a questão do atraso no pagamento dos transportadores, adiantou que fez uma ligação para o secretário municipal de educação e está aguardando uma resposta, que tão logo receba, vai marcar uma audiência para saber o que está acontecendo para motivar tantos atrasos nos pagamentos.
Dário destacou que a agenda positiva da Comissão de Educação da Câmara já começou, disse vão visitar as escolas, verificar a situação do FUNDEB e a fiscalização das embarcações do transporte escolar, dentre outras coisas.

- O vereador A. Netto disse que esteve em Manaus, participando de vários eventos, dentre eles o encontro com o novo superintendente da SUFRAMA, que falou da intenção da entidade em colocar um posto aqui em Itacoatiara, para acompanhar e colher projetos para o desenvolvimento local.
Ressaltou ainda a reunião com o diretor do IPAAM, Dr. Juliano, que deverá vir em breve à Itacoatiara, a fim de debater sobre o processo de mudança da lixeira para o Km 26 da AM 010, na Região do Rio Caru. Netto destacou que é importante saber quais são os estudos e levantamentos que foram feitos, para então verificar a possibilidade ou não de transferência para aquela área. Netto lembrou da urgência do assunto, porque o prazo dado pelo Ministério Público já se esgotou.
Ele falou sobre a primeira etapa do curso de formação de agentes públicos realizada semana passada, na Câmara. Netto ressaltou a importância desse curso para a formação dos cidadãos, que assim estarão aptos e preparados para fazer questionamentos.
Neto mencionou a reunião que ele participou com os técnicos do IBGE, a fim de tratar sobre os procedimentos para a realização do Censo 2020. Ele disse que dessa vez todos os pormenores deverão ser observados, sobretudo na zona rural, a fim de que não fiquem nenhuma comunidade sem ser recenseada. Ressaltou a necessidade de os recenseadores conhecerem a geografia local, por isso é imprescindível o apoio logístico do município. “Vamos nos colocar à disposição para ajudar naquilo que for preciso”, garantiu Netto.


- O vereador Ney Nobre citou o informativo que está circulando, da vereadora Cheila, em parceria com o deputado Sinésio Campos. Aproveitou para elogiar o trabalho do mesmo, que sempre tem ajudado com projetos e ações o nosso município, sem olhar cores partidárias.
Assegurou ao seu colega Bernardo Santiago, que pode contar com o seu apoio nessa luta, para a regularização do pagamento dos transportadores escolares. Porque os condutores precisam receber seus pagamentos em dia, a fim de poderem pagar suas despesas e compromissos.
Falou das dificuldades dos produtores rurais da área de várzea, que trabalham sempre contra as intempéries do tempo, por isso precisam ser olhados com carinho, de forma diferenciada, com políticas públicas especiais.

- A vereadora Cheila Moreira desejou a todos um ótimo mês de setembro e citou as comemorações da semana do Amazonas, da Pátria e também a realização do FECANI.
Falou sobre a campanha do setembro amarelo que aborda o tema da depressão, uma doença que afeta muitas pessoas no mundo inteiro. Ela frisou que hoje as pessoas não conversam mais, não compartilham mais seus sentimentos de forma verdadeira, que as redes sociais estão invadindo as nossas vidas, principalmente os telefones. Disse hoje a gente não almoça mais com nossas famílias, a corrida do dia a dia faz com que a maioria fique só nas aparências, como se fossem apenas uma casca, bem vestidos, sorriso fácil, mas não é nada daquilo que aparenta.
Cheila disse que os professores estão sobrecarregados e tem que lidar com muitas coisas, por isso a importância da presença do psicólogo nas escolas, para ajudar nessas questões. Garantiu que a Comissão da Câmara dos direitos das mulheres e bem-estar social vai dar ênfase nessa campanha e em outros assuntos afins.
Falou que está com seu informativo, onde traz os dados do seu trabalho, porque muitas vezes se diz que os parlamentares não fazem nada. Ela acredita que essa é uma forma de mostrar um pouco daquilo que estamos fazendo.
Anunciou que estará disputando a presidência do Diretório do Partido dos Trabalhadores de Itacoatiara. Ressaltou que acredita no seu potencial e que, apesar das divergências e até as manifestações de algumas pessoas maldosas, ela vai disputar e mostrar a essência do PT, que tem pessoas que pensam no partido de outra forma e lutam por uma sociedade melhor para todos. Evidenciou que não se envergonha de dizer que pertence ao Partido dos Trabalhadores, por isso vai disputar a eleição e acredita que pode vencer e dirigir o partido pelos próximos 4 anos.

- O vereador Joanilson Mendes destacou aquilo que foi falado sobre o censo 2020, pois ele acredita que, finalmente, agora Itacoatiara vai passar dos 100 mil habitantes, algo que, na sua opinião, já deveria ter acontecido há muito tempo, pois imagina que nem todos os domicílios foram visitados, sobretudo aqueles mais distantes na zona rural.
Ele destacou a importância do recenciamento correto, pois, os recursos federais são repassados aos municípios, de acordo com a quantidade de seus habitantes. Programas na área de habitação, saúde, educação e de urbanização, são repassados tendo como base o número de habitantes de cada município.
Joanilson lembrou da necessidade que Itacoatiara já tem de um sistema de transporte coletivo, pois há bairros e conjuntos habitacionais fora da cidade e nem todo mundo tem dinheiro para pagar um taxi. O município precisa se adequar a essa situação. É uma necessidade de Itacoatiara. É muito arriscado para idosos e crianças serem transportados por motocicletas, por isso necessitamos de um sistema de transporte coletivo adequado e seguro.